Queda nas mortes por cancer nos Estados Unidos na primeira década do milênio

As mortes por câncer continuam em queda nos Estados Unidos. É uma queda anual modesta, mas sistemática que, após alguns anos de melhorias acumuladas, atinge níveis relevantes.

Entre 2000 e 2009, as mortes por câncer foram reduzidas anualmente em vários grupos: 1,8% ao ano entre os homens; 1,4% entre as mulheres e 1,8% entre as crianças até 14 anos. É o que nos informa o Journal of the National Cancer Institute na sua edição online de 7 de janeiro.

Entre os homens houve quedas em 10 dos 17 canceres mais comuns e, entre as mulheres, em 15 dos 18 mais comuns.

Esses declínios revelam mudanças nos hábitos da população, como a redução no número de fumantes e o aumento gradual das vacinações contra os canceres associados com o HPV (human papillomavirus), tanto cervicais quanto não cervicais. Essa parece ser uma área na qual haverá importantes progressos. Revela, também, conquistas técnicas importantes na área de alguns canceres e a lenta ampliação do sistema de saúde que chega a uma percentagem cada vez maior da população social e economicamente mais vulnerável.

Devido às suas deficiências na medicina social e preventiva e ao seu avanço técnico na medicina curativa, a medicina nos Estados Unidos vem se recuperando de uma desvantagem histórica em relação a outros países de alta renda com um perfil social mais justo.

 

 

GLÁUCIO SOARES IESP-UERJ

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s