CÃES DETECTAM CÂNCERES DA PRÓSTATA

Agora foi a vez de pesquisadores italianos treinarem cachorros para a correta identificação do câncer da próstata através do cheiro da urina. Os resultados indicam uma percentagem de mais de 90% de acertos.

Os métodos mais usados até agora, PSA e toque retal têm falsos positivos (o resultado sugere que o paciente tem câncer, mas não tem) e falsos negativos (o resultado sugere que o paciente não tem câncer, mas tem). Esses testes são muito usados por serem simples e baratos. Usados juntos, reduzem a margem para erros. Há outros, em desenvolvimento, com uma margem de erro menor.

As pesquisas foram feitas com amostras da urina de 362 homens com câncer da próstata em níveis diferentes de avanço. Eles também usaram, como grupos controle, 418 homens e 122 mulheres que não tinham câncer da próstata, tinham outro tipo de câncer, outro tipo de doença ou eram saudáveis. Eles treinaram duas fêmeas de cães “pastor alemão” que tinham treinamento prévio de tipo militar, detectando bombas para as forças armadas italianas, Zoe e Liu. Foram treinadas para detectar componentes orgânicos voláteis associados com o câncer da próstata. Cada homem com câncer da próstata proporcionou seis amostras de urina, que foram colocadas aleatoriamente entre as demais. Uma das cadelas identificou corretamente todas as amostras de câncer da próstata, mas cometeu sete falsos positivos, ou 1,3% do total. A segunda identificou corretamente 98,6% das amostras de cancerosos (1,4% de falsos negativos) e 3,6% de falsos positivos, sobre o total das amostras dos que não sofriam com o câncer da próstata. O uso de dois ou mais cães deve diminuir a margem de erro.

Por que?

Alguns cães têm mais de duzentos milhões de receptores olfativos, ao passo que nós, humanos temos de cinco a dez milhões. É uma diferença de vinte a quarenta vezes.

Há resistência à presença de cães em hospitais, mas a presença não é necessária: as amostras podem ser levadas aos cães e não ao contrário.

A pesquisa foi feita no Centro Humanitas em Milão.

 

GLÁUCIO SOARES IESP-UERJ

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s