OS EFEITOS NEGATIVOS DO SOBREPESO E DA GORDURA CHEGAM AO CÂNCER DA PRÓSTATA

Há um conceito que os médicos usam nos Estados Unidos com certa frequência, o da síndrome metabólica. O que é essa síndrome?

Pressão alta, doses inadequadas de açúcar e lipídios no sangue e o que chama de Índice de Massa Corporal. Mede, indiretamente, a gordura que temos. Essa síndrome afeta – e muito – o risco de diabetes e está presente na maioria dos problemas do coração. Se associa com a morte por essas causas.

Agora surge um novo aspecto negativo da síndrome metabólica: aumenta o risco de morrer do câncer da próstata.

Esses são os resultados de uma pesquisa grande, com quase 290 mil homens, feita na Suécia. Acompanharam o grupo durante doze anos, na média. Muitos (6.673) foram diagnosticados com câncer da próstata e 961 morreram nesse período.

O tal do body mass index é perigoso: os com o BMI mais alto tinham um risco de morrer desse câncer que era 36% mais alto do que o dos demais. E a pressão? Os com pressão mais alta do grupo tinham um risco  62% mais alto de morrer do câncer da próstata.

Isso mostra que os fatores que aumentam o risco de doenças cardiovasculares tem associação com o câncer da próstata e também aumentam o risco de morrer deste câncer.

Esses mesmos fatores estão associados a um declínio cognitivo prematuro.

O peso pesa…

 GLÁUCIO SOARES              IESP-UERJ            

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s